Image result for Seguro de saúde é obrigatório para entrar na Europa

Para entrar na Europa com seguro é obrigatório. Já falamos também que, por vezes, os agentes de imigração não pedem para ver o seguro, nem as passagens de volta. Mas isso não significa que seja dispensável, porque são pré-requisitos para entrar na Europa, e caso o agente de imigração solicite e você não tenha, pode ser obrigado a voltar para o Brasil imediatamente.

retirado da publicação euro dicas

O que é o PB4? – Seguro de viagem, entenda as principais diferenças

O que é melhor pra mim? PB4 ou Seguro viagem? Essa é uma dúvida muito comum e tem muita gente afirmando por aí (inclusive nas redes sociais) que o seguro de saúde gratuito do governo brasileiro, o PB4faz as vezes do seguro de viagem na Europa. Será?

Para esclarecer essa dúvida comum, fizemos um comparativo que explica tudinho sobre o assunto. Portanto, se esta dúvida também é sua, vem comigo que vamos analisar e comparar ambos, para descobrir qual é o ideal para você.

Seguro de saúde é obrigatório para entrar na Europa

Para entrar na Europa com seguro é obrigatório. Já falamos também que, por vezes, os agentes de imigração não pedem para ver o seguro, nem as passagens de volta. Mas isso não significa que seja dispensável, porque são pré-requisitos para entrar na Europa, e caso o agente de imigração solicite e você não tenha, pode ser obrigado a voltar para o Brasil imediatamente.

Viagem à turismo ou para morar de vez?

Primeiramente, vamos começar respondendo a mais simples das perguntas. A sua viagem para a Europa é à turismo ou você está se mudando de vez?

Se você respondeu à turismo, já te adianto que o PB4 só é válido nos seguintes países: Portugal, Itália e Cabo Verde.

Portanto, se sua viagem é para um destes, talvez seja interessante solicitar o documento em um Núcleo do Ministério da Saúde mais próximo da sua casa. Caso não, então você precisará de um seguro de viagem.

Veja tudo sobre o PB4 e como solicitar gratuitamente.

Seguro de viagem para quem está mudando de país

Se o seu caso for de mudança de país, acho que é interessante pensar nas duas possibilidades. 🙂

Você vai me perguntar: mas preciso de PB4 e o seguro de viagem? Sim, pois o PB4 não substitui o seguro de viagem. São documento diferentes. Vou te explicar.

Para que serve o PB4

Para que serve o PB4

O PB4 serve para que os brasileiros possam ser atendimento em hospitais públicos, onde o cidadão estrangeiro paga o mesmo valor que um cidadão nativo daquele país.

Para utilizar os serviços médicos basta apresentar o documento nas urgências dos hospitais e você será cadastrado no sistema de saúde e será cobrada uma pequena taxa, mas não será gratuito. Se quiser saber mais sobre, leia nosso artigo sobre a saúde pública em Portugal.

Para que serve o Seguro de viagem

O seguro de viagem é voltado para todas as pessoas que estão saindo do Brasil.

A maior vantagem de adquirir um seguro de viagem é você poder minimizar qualquer situação desconfortável que possa acontecer durante a sua viagem. Seja com atendimento médico, malas, voos atrasados e outros imprevistos, que dependerá da seguradora escolhida oferece.

Outra grande vantagem é que independente de onde você estiver, você terá atendimento em português nos hospitais.

Obrigatório em alguns países

Não são todos os países do mundo que obrigam o viajante a possuir o seguro de viagem, mas todos os países que fazem parte do Espaço Schengen obrigam os turistas a terem um seguro de viagem que cubra despesas de até 30 mil euros.

Ficou interessado? Faça cotação de seguro de viagem obrigatório para Europa.

Principais diferenças entre o PB4 e o seguro de viagem

Confira:

Tabela de comparação entre PB4 e Seguro de viagem

PB4

Seguro de viagem

Gratuito

Pago

Deverá ser solicitado no Núcleo Estadual do Ministério da Saúde

Pode ser feito online

Válido apenas em Portugal, Itália e Cabo Verde

Válido em todo os países

Validade de 1 ano

Você determina a validade ( e paga por isso)

Te dá o direito de ser atendido pela saúde pública daquele determinado país

Cobre atendimento em clínicas particulares e conveniadas em qualquer país

Cobre despesas médicas apenas em hospitais públicos

Cobre despesas médicas de até 30 mil euros

Não cobre malas

Cobre extravio, perda e roubo de malas

Não cobre custos em casos de acidentes, mortes,etc

Cobre custos em casos de acidentes, mortes,etc

Image result for Seguro de saúde é obrigatório para entrar na Europa

O seguro viagem vai sempre compensar, se pensar em todas as suas vantagens e possibilidades.

O único porém do seguro é voltado para destinos para práticas de esportes, que sempre ficam um pouquinho mais salgados, pois as chances de acontecer um acidente é muito maior. Mas como dizia minha avó: “é melhor prevenir do que remediar“.

Em uma viagem para Bariloche, na Argentina, meu amigo quebrou seu cotovelo ao sofrer um acidente na pista de ski. Imediatamente foi socorrido, levado ao hospital e operado, tudo isso em menos de 2 horas. A conta no final do ocorrido? Mais de 30 mil reais. Por sorte ele havia feito o seguro de viagem e a tragédia não foi também uma desastre financeiro.

Dica para os viajantes

Dica: Não se esqueça de que seu seguro de viagem deverá cobrir desde o dia que você sair de casa até o dia em que você retornar para a casa.

Vou dar um exemplo, pois isso acontece com recorrência. Se você sairá dia 1 de abril às 20h para viajar e voltará dia 14 às 20h, você deverá fechar seu seguro viagem até o dia 15 de abril! Será necessário considerar o dia de volta, também, pois se acontecer algo à você ou à sua mala no desembarque ( no dia seguinte) e você não estiver segurado, será uma grande cilada.

Resumindo, o PB4 não é seguro de viagem. É um acordo que permite que você use a saúde pública em países que fazem parte do acordo.

E se você ainda está com dúvidas sobre o seguro de viagem, deixo minha última dica à você: esteja preparado para os imprevistos que nada te surpreenderá. Portanto, nada melhor do que viajar preparado caso aconteça (espero que não aconteça!) alguma eventualidade.

É necessário o seguro viagem para Europa

Quem está planejando uma viagem para a Europa deve saber que para entrar em alguns de seus países mais visitados, como França, Itália, República Chega, Portugal e Espanha, é obrigatório a contratação de um seguro viagem internacional. Esta exigência surgiu em 1997, quando estes países aderiram ao Tratado de Schengen. Este tratado, é um acordo assinado por alguns membros da Comunidade Européia que promove a livre circulação de pessoas nos países signatários.

Este acordo exige que turistas que visitam o território destes países contratem um seguro viagem de assistência médica com cobertura mínima de 30 mil euros. Caso a cobertura contratada seja de valor inferior, o seguro não tem validade alguma, do ponto de vista das exigências destes territórios.

Os países do Tratado de Schengen são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suíça. Atualmente, quatro novos integrantes permanecem em fase de implementação: Liechtenstein, Bulgária, Romênia e Chipre. Isso significa que para entrar em qualquer um destes países, é necessário a contratação do seguro obrigatório. Vale a pena destacar que não fazem parte deste acordo a Irlanda e o Reino Unido, que tem suas próprias regras de turismo e imigração.

Melhor seguro viagem para Europa

Apesar de ser obrigatório, não é sempre que é pedido uma confirmação da contratação do seguro na alfândega destes países. Entretanto, é melhor não arriscar, pois caso lhe seja solicitado o seguro viagem durante sua entrada no país, o fato pode ser usado como uma desculpa para a sua deportação ou então você pode ter sua entrada no país dificultada. Como ninguém deseja por em risco uma viagem, é bom nunca se esquecer de fazer um seguro viagem para a Europa.

O seguro viagem para Europa é obrigatório, sendo exigida uma cobertura de assistência médica mínima de 30 mil euros. Entretanto, existem outros itens que são importantes na hora de se contratar um seguro viagem internacional. Entre eles, é essencial que o seguro contratado cubra repatriação e serviço funerário. Então, na hora de escolher qual o melhor seguro viagem para Europa, não avalie somente os itens que são obrigatórios pelo Tratado de Schengen, mas sim o que é importante quando viajamos para um território estrangeiro. No artigo sobre o melhor seguro viagem internacional, dou várias dicas de como avaliar e escolher o seguro mais indicado para sua viagem. Também é importante saber as diferenças entre seguro viagem e assistência viagem.

Vai viajar e não contratou seu Seguro Viagem?
Compare preços, compre na Seguros Promo »

Algumas operadoras de cartões de crédito oferecem gratuitamente o seguro viagem obrigatório para a Europa, para quem compra a passagem ou as taxas de embarque com pagamento através de seus cartões de crédito. Este tipo de serviço pode ser uma boa economia, mas também pode trazer grandes dores de cabeça. Minha dica é antes de contratar este serviço, avaliar bem se ele oferece tudo o que é necessário, para evitar problemas durante a viagem. Caso queira saber mais sobre o assunto, eu escrevi um post sobre o tema: Vale a pena usar o seguro viagem gratuito dos cartões?

Muitas pessoas me perguntam: Onde comprar seguro viagem para Europa? Quanto custa? Como encontrar a melhor cotação? Comprar este tipo de produto é bem simples e pode ser feito pela internet, onde as principais corretoras de seguros oferecem este tipo de produto. Minha dica é pesquisar bastante antes de escolher qual seguro e qual seguradora, pois a cotação de seguro viagem para Europa varia muito e a qualidade dos produtos oferecidos também. No post Como fazer e contratar um seguro viagem internacional, eu falo sobre como escolho meu seguro de viagem antes de viajar.

Conclusão

Então, quando estiver de viagem marcada para a Europa, não deixe de pesquisar se os países de destino fazem parte do Tratado de Schengen. Caso não faça parte, procure saber antes de contratar um seguro quais são as exigências para entrar no país. E lembre-se sempre, um seguro viagem é sempre recomendado, afinal ele nos dá a tranquilidade que se algo der errado, estaremos amparados.

Para garantir os melhores preços em seguro viagem para a Europa, utilize o comparador da Seguros Promo (5% de desconto nesse link, ou insira o cupom QUEROVIAJARMAIS5) que lista as principais operados listando as opções de seguros de acordo com os valores mais baixos.

Se ainda tiver dúvidas sobre como funciona o seguro viagem para Europa, como fazer, como comprar, deixe um comentário abaixo, terei o maior prazer em responder 🙂

 

Anúncios